terça-feira, 20 de maio de 2014

O Homem que Perseguia o Tempo

"Foi sem dúvida um livro que me impressionou, pelas sensações que desperta, pelas questões que lança, pelos temas que aborda, essencialmente o tema da perda associado à morte, o luto, as memórias que guardamos ou reprimimos, a vida, as escolhas que fazemos.
 
Com uma escrita fluída, nem dei pelo tempo passar e a leitura voou. É o poder que as palavras tem. Quando uma narrativa é construída com tamanha inteligência e singularidade, é impossível ficar indiferente."
 
 
 
 
Comentário Completo em: